Estamos a reunir com enfermeiros para um projecto relacionado com úlceras de pressão

As úlceras de pressão são um problema complexo que requer a atenção dos profissionais de saúde e dos cuidadores.

A tecnologia pode optimizar o cuidado a estes doentes. Com este objectivo, um novo projecto está em curso no Fraunhofer Portugal AICOS. Este projecto está a ser desenvolvido por uma estudante de mestrado da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. Doentes, cuidadores, enfermeiros e directores-técnicos de lares para seniores participaram em entrevistas que serão muito importantes para a compreensão deste problema. O COLABORAR deu uma ajuda na organização destas entrevistas.

A análise qualitativa destas entrevistas irá permitir à estudante e à equipa propor uma solução que irá facilitar o cuidado aos doentes com úlceras de pressão.

Estamos a preparar surpresas

Os voluntários da rede  de utilizadores COLABORAR estão a colaborar connosco num projecto que visa disseminar as actividades de investigação que realizamos habitualmente no Fraunhofer Portugal AICOS.

Estamos a gravar diferentes momentos do nosso trabalho no centro de investigação: visitas a centros de dia, testes no Living Lab, entrevistas para análise qualitativa, etc. Estamos a entrevistar também os directores-técnicos dos centros de dia parceiros.

Iremos revelar mais detalhes sobre isto brevemente.

Estudos de validação com utilizadores de dispositivos médicos em destaque em reunião de trabalho do MDevNet

O tema da validação de estudos de dispositivos médicos de base tecnológica esteve em destaque numa reunião com os membros do MDevNet.

O MDevNet é uma iniciativa liderada pelo Fraunhofer Portugal AICOS e junta várias instituições de I&D, indústria, academia, entidades públicas e representantes dos utilizadores. O que os parceiros nesta rede têm em comum é o facto de estarem activamente envolvidos no processo de valorização da transferência de tecnologia de dispositivos médicos de base tecnológica.

A reunião foi organizada em torno de três temas:

  • clarificação de questões legislativas associadas aos dispositivos médicos;
  • obstáculos e promoção de mecanismos de interacção entre entidades nacionais envolvidas no processo de codesenvolvimento e convalidação de dispositivos médicos e
  • eficácia dos processos de transferência de tecnologia.

Um dos assuntos abordados foi a realização de estudos de validação de dispositivos médicos com utilizadores e respectivo processo de certificação.

De uma forma geral, a conclusão da reunião foi que é necessária mais informação sobre regulamentos, processos e formalidades.

Testes para tese de mestrado

Nos últimos anos, tem sido desenvolvida investigação no Fraunhofer Portugal AICOS na área de monitorização de actividade física e prevenção de quedas. Recentemente, temos uma estudante de mestrado a desenvolver a sua tese nesta área.

Agora é tempo de fazer alguns testes. O COLABORAR recrutou um grupo de voluntários para nos ajudar nesta importante tarefa. Quinze voluntários participaram nesta actividade de investigação, ao realizar exercícios de marcha.

Obrigado a todos os participantes pelo tempo passado connosco e por fazerem parte desta investigação.

Demo para o Porto Canal

O Porto Canal fez uma reportagem sobre a Fraunhofer Portugal AICOS.

O projecto Deus Ex Machina (DEM) esteve em destaque. Este projecto centra-se nos benefícios para os utilizadores ao construir respostas tecnológicas para os desafios da sociedade. O projecto inclui sub-projectos em diversas áreas: agricultura, nutrição, saúde, mente e comportamento, monitorização da actividade física e ferramentas para as comunidades.

A investigação no projecto DEM é apoiada por fundos nacionais e conta com outros seis centros de investigação da região norte de Portugal como parceiros. O objectivo deste projecto é melhorar a qualidade de vida  da população através da tecnologia.

O utilizador está no centro da investigação. Os investigadores começam por compreender as necessidades dos utilizadores e a forma como percebem a tecnologia. Duas voluntárias da rede de utilizadores COLABORAR participaram numa demonstração de um projecto relacionado com a prevenção de quedas. As voluntárias executaram alguns exercícios físicos guiados pelo software na TV.

O nosso muito obrigado às participantes!
Podem visualizar o vídeo aqui.

O novo Código Ético de Conduta Académica da Universidade do Porto

O COLABORAR esteve presente nas Jornadas da Comissão de Ética da Universidade do Porto no dia 11 de Abril, no Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Porto.

O novo Código Ético de Conduta Académica da Universidade do Porto foi apresentado oficialmente neste evento. É do nosso interesse adoptar e cumprir os mais elevados padrões e regulamentos éticos relacionados com a ética em investigação. O nosso objectivo é manter a excelência e a integridade na investigação que fazemos, respeitando os direitos e a dignidade dos outros.

Neste evento ficámos a conhecer os princípios gerais do código que devemos seguir quando planeamos e conduzirmos actividades de investigação. Já temos um exemplar em papel do código ético que estará também disponível online.

Ageing Summit 2018

A primeira edição do Ageing Summit teve lugar no Porto, na Fundação de Serralves, e foi organizada pela Santa casa da Misericórdia do Porto.

O envelhecimento foi abordado sob diferentes perspectivas: os desafios para a sociedade, as políticas públicas e sociais, a inovação e o envelhecimento activo e saudável. O investigador Filipe Sousa do Fraunhofer Portugal AICOS esteve hoje no Ageing Summit ’18 a moderar a mesa da Conferência “Sociedades Envelhecidas: Inovação e Investimento”. O papel interventivo dos seniores e alguns exemplos de como a sociedade pode ouvir as suas opiniões e tê-las em conta na tomada de decisões foi um dos temas em destaque.

O COLABORAR esteve presente neste evento, uma vez que se trata de um tópico de interesse. Ficámos felizes por saber que os seniores estão a ser percebidos como uma parte activa nas decisões relacionadas com o envelhecimento.

COLABORAR nos “Encontros com a Inovação em Saúde”

O COLABORAR esteve presente nos “Encontros com a Inovação em Saúde” no dia 4 de Abril. O evento teve lugar no Hard Club no Porto e foi organizado pelo  Health Cluster Portugal.

Muitas unidades de saúde, fabricantes de dispositivos médicos e instituições de I&D participaram no evento. Algumas tinham um expositor no “Mercado de Inovação Aberta em Saúde”. O tema do encontro foi “Novas Agendas de Investigação e Inovação para a Saúde do Futuro”. Houve 3 sessões temáticas: “Medicina de Precisão e Saúde Digital”, “Terapias Avançadas & Novas Vacinas” e “Nanomedicina & Bioelectrónica”. Os oradores deram-nos uma visão geral sobre as áreas da saúde que terão destaque no futuro.

O “Mercado para a Inovação Aberta na Saúde” teve como objectivo promover o contacto entre os potenciais parceiros científicos, clínicos e tecnológicos e as empresas.

Gostámos de falar com outros investigadores e ficar a conhecer projectos científicos na área da tecnologia e inovação em saúde.

É tempo de trabalho de campo

Os investigadores da Fraunhofer AICOS estão a trabalhar numa nova aplicação que será integrada no sistema SmartCompanion.

Temos na nossa equipa uma estudante da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. A estudante está a fazer trabalho de campo, nomeadamente entrevistas com seniores, no âmbito da fase de estudos de utilizador. A estudante irá usar a informação recolhida para construir uma aplicação para smartphone e está a aplicar princípios de interacção humano-computador, especificamente para os seniores, uma vez que as interfaces desta app deverão ser simples e fáceis de entender pelo utilizador.

Esperamos testar o protótipo com os voluntários da nossa rede muito brevemente!