Categoria: Parcerias

Fraunhofer Portugal apoiou a Hack for Good, uma maratona de programação

entrada do hackathon

A Fraunhofer Portugal é uma das instituições que apoiou a maratona de tecnologia, denominada Hack for Good e organizada pela Fundação Calouste Gulbenkian. Esta maratona de tecnologia teve como objectivo incentivar o desenvolvimento de soluções tecnológicas inovadoras e nesta 1.ª edição, o tema foi “Envelhecimento e vida activa”. A iniciativa teve como finalidade a criação de soluções que respondam aos desafios relacionados com o envelhecimento.

Dentro deste tema, a Fraunhofer Portugal contribuiu para a definição das áreas de trabalho dos grupos: Comunicação e Relações Sociais, Estimulação Cognitiva, Transferência de Conhecimentos e Economia da Partilha, Saúde e Bem-estar, Cuidadores Formais e Informais, Nutrição, Mobilidade e Finanças Pessoais. Além disso, a Frauhofer Portugal produziu materiais de apoio ao desenho de soluções inclusivas que considerem os utilizadores seniores.

A Ana Correia de Barros, da Fraunhofer Portugal, participou como mentora e como membro da equipa de pré-júri nos dois dias do evento, 23 e 24 de Abril, em Lisboa. Como mentora, ajudou os participantes a compreender melhor os desafios daquelas oito áreas, uma vez que na Fraunhofer Portugal trabalhamos em projectos relacionados com estes temas e temos já uma vasta experiência em desenvolver produtos e serviços tecnológicos para os seniores. Como pré-júri, ajudou à selecção das 10 ideias finalistas que foram apresentadas ao júri final.

Os 157 participantes (de um total de cerca de 400 inscrições) dividiram-se em 36 pequenas equipas. Os participantes tinham formação em áreas tão diversas como a Engenharia, as Ciências Sociais e de Saúde, o Design e a Gestão. Esta interdisciplinaridade é uma mais-valia e esta foi uma excelente oportunidade para reunir especialistas em tecnologia e em envelhecimento e colocá-los a trabalhar juntos. Para além disso, os seniores também estiveram presentes e participaram através do importante feedback acerca das ideias geradas, contribuindo, desta forma, para a discussão.

Também houve actividades de entretenimento, workshops e momentos de networking para os participantes. No final do evento, as 10 ideias finalistas foram apresentadas ao júri e os três melhores foram premiados. Os vencedores desenvolveram ideias para: apoio aos cuidadores informais (1.º lugar), incentivo à auto-monitorização de saúde e actividade social através de jogos (2.º lugar) e apoio à auto-gestão da medicação (3.º lugar).

Na sessão de encerramento do evento foram comunicadas duas óptimas notícias: a primeira é que todas as 36 equipas vão poder apresentar os seus projectos e receber mentoria, a segunda é que o Hack for Good vem para ficar! Depois de uma primeira edição tão bem-sucedida, a Fundação Calouste Gulbenkian decidiu que quer repetir a iniciativa.

Que excelente fim-de-semana! O COLABORAR está feliz por a Fraunhofer Portugal ser um parceiro desta maratona tecnológica que pôs a tecnologia ao serviço dos seniores.

grupos a trabalhar vista do espaço do hackathon

 

 

COLABORAR lança Quadro de Honra no Website

O COLABORAR acaba de criar um Quadro de Honra no seu Website, dando a conhecer alguns dos voluntários seniores que fazem parte da rede de utilizadores COLABORAR.

Os voluntários partilham as suas experiências de participação neste projecto e das suas palavras transparece o entusiasmo em fazer parte desta rede de utilizadores e deste fantástico projecto que junta seniores e investigadores em projectos cujo objectivo é desenhar um futuro melhor para todos nós.

Mais do que participantes em estudos de investigação sobre novas tecnologias, podemos dizer que três anos depois do início do projecto, temos muitos mais amigos e que o convívio com eles enriquece-nos muito enquanto profissionais e também como pessoas.

No Fraunhofer AICOS, o Quadro de Honra ocupa um lugar especial à entrada do Living Lab.

20141107_halloffame

O projecto COLABORAR é stakeholder do projeto SIForAGE

20140918_siforage

É com muito prazer que anunciamos que a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) nos encontrou na Internet e nos identificou como um exemplo a dar quando se trata de boas práticas no design de soluções com e para seniores.

A SCML faz parte do projecto Europeu SIforAge e pediu-nos para que nos envolvêssemos no projecto como stakeholders.

Aceitámos de bom grado e esperamos com ansiedade pelas próximas reuniões e oportunidades para discutir com outras instituições possíveis soluções inovadoras para o envelhecimento activo e saudável.

Acerca do projecto SIforAge:

O projecto SIforAge (INOVAÇÃO SOCIAL NO ÂMBITO DO ENVELHECIMENTO ACTIVO E SAUDÁVEL PARA UMA ECONOMIA SUSTENTÁVEL E EM CRESCIMENTO) é uma parceria internacional, financiada pela União Europeia, no âmbito do Programa Europeu FP7. O SIforAGEconta com a participação de 19 parceiros internacionais incluindo o Brasil e a Turquia (representando diversos sectores da sociedade) tais como: Universidades, Administração Pública, Empresas, ONGs, entre outras. Tem como desafio a inovação social e a inclusão de aspectos inovadores na formulação de políticas públicas, assim como aproximar a investigação sobre o envelhecimento activo e saudável à população idosa. Este projecto tem a duração de quatro anos (2012-2016).