Active@Home e COLABORAR nas notícias

img_9175

Na sequência dos primeiros testes do projecto Active@Home, fizemos uma demonstração para uma agência de notícias e contámos uma vez mais com os voluntários do COLABORAR.

Desta forma, o Fraunhofer Portugal AICOS deu a conhecer este projecto tecnológico que consiste em exercícios de dança tradicional e Tai-Chi, que funciona na TV, juntamente com alguns sensores, e permite aos idosos realizarem treino de força e equilíbrio em casa. O António Santos, investigador responsável pelo projecto, sublinha a”componente lúdica e de entretenimento” destes treinos.

O COLABORAR também mereceu destaque, já que os jornalistas quiseram conhecer esta rede de cerca de 1000 voluntários que ajuda a testar e validar as aplicações da Fraunhofer. Um dos voluntários que participou na sessão de demonstração, o Sr. Jorge Mendonça, foi entrevistado e falou sobre  a sua experiência, dizendo que gosta de participar porque fica a conhecer aplicações importantes, especialmente na área da saúde, e que este projecto de tecnologia para realizar exercícios de ginástica em casa pode ser muito útil para os seniores.

A notícia apareceu em vários jornais Portugueses e estamos muito orgulhosos. Podem ver as notícias aqui:

http://p3.publico.pt/vicios/hightech/22444/tecnologia-que-envolve-danca-e-tai-chi-permite-evitar-quedas-dos-idosos;

http://expresso.sapo.pt/sociedade/2016-12-20-Exercicios-caseiros-com-danca-tradicional-e-tai-chi-procuram-evitar-quedas-de-idosos;

http://arquivo.jm-madeira.pt/artigos/tecnologia-que-envolve-dan%C3%A7a-e-tai-chi-permite-evitar-quedas-dos-idosos;

https://www.noticiasaominuto.com/tech/708259/tecnologia-que-envolve-danca-e-tai-chi-permite-evitar-quedas-dos-idosos;

http://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias-saude/artigos/tecnologia-que-poe-os-idosos-a-dancar-e-a-fazer-tai-chi-permite-evitar-quedas.

5 anos de COLABORAR – vídeo

Para começarmos o ano de 2017, preparámos um vídeo sobre o nosso projecto. Foi gravado durante as comemorações  do 5.º aniversário do COLABORAR e mostra os melhores momentos da festa.

Clique para ver o nosso vídeo.

 

Boas Festas!

natal_colaborar_01-gif

Este período festivo é o momento perfeito para agradecer aos voluntários da rede de utilizadores COLABORAR pela cooperação.

Visitámos os centros e oferecemos os nossos postais de Natal e umas pequenas “lembranças”, juntamente com um “Muito obrigado!” e um enorme sorriso.

A equipa do COLABORAR deseja a todos umas Festas Felizes e um Ano Novo repleto de saúde, sucesso e felicidade.

Agradecemos a boa vontade de todos. A participação no nosso projecto enquanto utilizadores finais significa muito para nós. Vemo-nos em 2017, com projectos acerca de novas tecnologias fresquinhos!

img_20161219_100253

Active@Home: Primeiros testes com utilizadores no Living Lab

img_20161212_101833

O COLABORAR organizou uma sessão de testes para o projecto Active@Home.

No âmbito deste projecto, foram desenhados e desenvolvidos jogos de exercício físico e prevenção de quedas que funcionam na televisão. Os utilizadores deverão utilizar sensores para detecção dos movimentos. Nesta primeira sessão de testes com utilizadores reais, os investigadores testaram a aceitação da versão de demonstração e recolheram alguns dados dos sensores.

Os participantes divertiram-se e nós estamos gratos pela preciosa ajuda que nos deram!

O COLABORAR celebra o seu 5.º aniversário

img_8686

O tempo passa tão depressa! Há cinco anos atrás, quando iniciámos o projecto COLABORAR, estávamos longe de imaginar o quanto o projecto iria crescer, desenvolver-se e transformar-se.

As actividades do projecto começaram no Outono de 2011, com o contacto a instituições para fazerem parte de um projecto inovador que visava criar uma rede de utilizadores seniores para participarem em estudos de investigação sobre tecnologia. Para muitos, seniores e tecnologia não pareciam combinar. Naquela altura, os smartphones e os tablets ainda não estavam tão difundidos como estão actualmente. Felizmente, muitas instituições aceitaram o desafio e mostraram-se até entusiasmadas com a ideia de verem os seniores a interagir com tecnologia.

img_8808

Tem sido uma óptima experiência tanto para os investigadores como para os seniores. Vêmo-los tornarem-se experientes com interfaces de toque, a participar em conversas sobre tecnologia e a usar as novas tecnologias para comunicar com familiares que vivem longe. Para nosso contentamento, participam nos nossos estudos de investigação porque sentem que são uma parte importante do processo de construção de boas soluções para os idosos do futuro. Os dados que recolhemos com a ajuda de todos eles são importantes para os investigadores e enriquecem muito os nossos estudos.

img_8669 img_8721

Celebrámos o aniversário do projecto com um evento nas instalações da Fraunhofer. Chamamos-lhe Dia de Laboratório Aberto, no qual recebemos os profissionais e os utentes dos Centros de Dia/Convívio para tomarem um chá, comerem uns bolinhos  e jogarem uns jogos connosco. Este ano não foi excepção e convidámos dois Centros de Dia/Convívio. Os preparativos começaram com as decorações do nosso Laboratório de Software, o espaço que usamos para demonstrar os projectos. Cada ano fazemos decorações diferentes.  Colocámos os tablets na mesa que usámos para jogar o CogniPlay, a plataforma do Fraunhofer AICOS de jogos cognitivos, desenhados para estimular a memória dos seniores. Depois, mostrámos aos nossos convidados como tirar fotografias e selfies com os tablets. Pudemos ver que se divertiram bastante a tirar selfies. Estão verdadeiras obras de arte!

Estamos muito felizes por poder proporcionar um dia especial e com muita animação aos voluntários seniores!

img_8739 img_8816

Para quem nos acompanha à distância, preparámos um quiz para vos desafiar. Experimentem o Quiz do COLABORAR que disponibilizamos aqui (os mais atentos ao nosso blog certamente já conhecem) e divirtam-se enquanto respondem a questões sobre tecnologia.

 

5 anos de COLABORAR

O COLABORAR festeja o 5.º aniversário.

Vamos partilhar a nossa alegria com actividades na Fraunhofer esta semana.

Experimentem o quiz do COLABORAR!

 

 

Protótipo para detecção de Retinopatia Diabética: primeiros testes com doentes no hospital

img_20160901_090742

No passado, escrevemos uma notícia sobre o protótipo de detecção de Retinopatia Diabética do Fraunhofer AICOS. Este sistema constituído por um adaptador óptico acoplado a um smartphone com uma  aplicação permite a detecção dos primeiros sinais de Retinopatia Diabética. Agora, damos a conhecer que estamos a realizar testes no hospital com doentes.

A aplicação processa as imagens do fundo do olho e detecta automaticamente micro-aneurismas, que são os primeiros sinais visíveis de Retinopatia Diabética. Esta solução móvel permite um pré-diagnóstico efectivo num contexto de não especialistas, o que significa que pode ser utilizado numa consulta médica regular, permitindo assim o diagnóstico e tratamento desta doença que pode causar cegueira.

Para testarmos a solução, temos realizado vários testes num hospital Português. Recolhemos imagens do fundo do olho de doentes com Retinopatia Diabética e estamos a avaliar a qualidade das imagens e a eficácia deste novo método. A amostra de doentes apresenta diferentes estádios de Retinopatia Diabética, desde os estádios iniciais até estádios mais avançados.

São boas notícias, especialmente hoje, Dia Mundial da Diabetes! A Federação Internacional de Diabetes (IDF) escolheu a Retinopatia Diabética como tema deste ano e criou a campanha “De olhos na Diabetes“, que tem como objectivo aumentar a consciencialização acerca da importância dos rastreios para uma detecção precoce desta complicação da Diabetes. A IDF sublinha que “a detecção precoce e o tratamento atempado da Retinopatia Diabética pode prevenir perdas de visão e reduzir o impacto da Diabetes nos indivíduos, nos seus cuidadores e na sociedade”. Na Fraunhofer, os investigadores estão a trabalhar para criar um protótipo móvel e de baixo custo, permitindo assim reduzir os custos associados aos rastreios, que poderá ser utilizado nos cuidados de saúde primários e nos países em desenvolvimento.

Daremos mais notícias sobre este projecto, seguramente. Estejam atentos!

Dia Mundial da Usabilidade 2016

colaborar

O dia 10 de Novembro de 2016 é o Dia Mundial da Usabilidade!

Nesta data especial, celebramos a importância dos estudos de usabilidade, que ajudam a tornar os produtos e os serviços mais fáceis de utilizar por todos. Trata-se de tornar os equipamentos que usamos no dia-a-dia “amigos” dos utilizadores. Na Fraunhofer Portugal AICOS, a equipa de Interacção Pessoa-Computador dedica particular atenção aos smartphones, TV’s e tablets, tornando as suas interfaces mais simples para serem utilizadas pelos utilizadores finais.

Destacamos o facto de os estudos de usabilidade envolverem a colaboração de investigadores, designers e utilizadores. O nosso obrigado a todos os voluntários da rede de utilizadores COLABORAR!

Pré-teste do questionário do CordonGris

img_3368

Recentemente, os investigadores que trabalham no projecto CordonGris entrevistaram alguns seniores da rede de utilizadores COLABORAR para o pré-teste do guião da entrevista guiada por questionário. Pudemos contar com os voluntários para serem entrevistados acerca dos seus hábitos de alimentação e escolhas nutricionais. As entrevistas finais serão realizadas em Portugal, nos Países Baixos e no Reino Unido.

O nosso obrigado a todos os participantes! O vosso contributo foi muito valioso, pois conseguimos validar o guião de entrevista que será utilizado em três países diferentes.

Testes do SmartMedBoxes

IMG_20160811_150638

Tendo em consideração o número de seniores que vivem sozinhos e a sua fragilidade física e mental, e considerando ainda os complexos esquemas terapêuticos que eles devem cumprir estritamente, é fácil de imaginar que muitos deles não tomam a sua medicação correctamente. No Fraunhofer Portugal AICOS este problema está a ser abordado no âmbito da tese de mestrado SmartMedBoxes. Este projecto junta uma caixa de medicamentos, sensores e smartphones. O resultado final é uma caixa de medicação inteligente que permite aos cuidadores monitorizar a toma de medicação com a ajuda de uns sensores que detectam a abertura da caixa.

Já testámos o protótipo; pedimos a alguns voluntários seniores do COLABORAR para abrirem e fecharem a caixa, como se estivessem a tirar os medicamentos. Os dados recolhidos nestes testes vão contribuir para a avaliação do protótipo, permitindo assim aos investigadores saberem se este funciona correctamente.

Esperamos que este protótipo esteja disponível num futuro próximo e que ajude os seniores e os seus cuidadores!